logo

logo logo logo Colab

Início
Nova Coordenadoria dos Direitos dos Animais vai ampliar a política de proteção em Niterói PDF Imprimir E-mail

Coordenador foi empossado nesta quinta-feira

coordenadoria

10/03/2017 - Avançar com a agenda da proteção animal em Niterói, ampliar e organizar as ações e programas nessa área são os principais desafios do ambientalista Daniel Marques, que foi empossado pelo prefeito como coordenador da Coordenadoria Especial dos Direitos dos Animais nesta quinta-feira (9.3). A primeira missão do novo órgão será entregar à população em 30 dias o Centro de Controle Populacional de Animais Domésticos (CCPAD), que foi construído no Horto do Fonseca, e que realizará cirurgias de castração gratuitamente.

 

O prefeito destacou que a sua gestão construiu uma agenda ambiental que Niterói nunca teve.

“Implantamos o Fundo Municipal do Meio Ambiente, fizemos concurso público para a Secretaria de Meio Ambiente, temos o programa Niterói Mais Verde e um conjunto de ações com a perspectiva da sustentabilidade. Hoje Niterói é referência em políticas ambientais. Por isso temos que avançar numa agenda que tem muito a ver com a nossa cidade, que é o tema da proteção animal. Tenho certeza que com a coordenadoria daremos um salto grande nessa política e fico tranquilo porque será coordenada pelo Daniel Marques, para enfrentar esses grandes desafios”, afirmou Neves, que orientou que haja um trabalho integrado da nova coordenadoria com o setor de Zoonoses da Secretaria de Saúde.

Até 2016, as ações de proteção animal eram desenvolvidas por uma diretoria da Secretaria de Meio Ambiente. O secretário da pasta, Eurico Toledo, destacou a capacidade de Daniel Marques para organizar as diversas iniciativas na área.

“Com a nova coordenadoria e o CCPAD, Niterói se firmará como protagonista desta bandeira tão importante para o país, que é a proteção animal”, disse o secretário.

Daniel Marques lembrou que a proteção animal foi institucionalizada na gestão do prefeito Rodrigo Neves.

“Agora o nosso desafio é criar o primeiro órgão público de Niterói, que terá o papel de orquestrar todas as ações já desenvolvidas tanto pelo governo quanto pelas entidades que se dedicam à causa. Vamos trabalhar para aumentar o número de castrações, levar feiras de adoção de animais para as cinco regiões da cidade. O Centro de Controle Populacional é o maior legado que nossa cidade já teve para o controle da fauna doméstica urbana. Também investir em iniciativas e discutir a questão da fauna silvestre no município”, afirmou o novo coordenador.

Também participaram da posse a secretária de Saúde, Maria Célia Vasconcellos; o procurador geral Carlos Raposo; o ex-diretor de Proteção Animal da Secretaria de Meio Ambiente, Marcelo Pereira; além de protetores de animais e ambientalistas.

 

Prefeitura Municipal de Niterói
Rua Visconde de Sepetiba, 987 - Centro - Niterói - RJ