logo


Início
Reunião de prefeito com representantes da sociedade define mais quatro medidas pela segurança em Niterói PDF Imprimir E-mail

07/07/2017 – O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, recebeu nesta sexta-feira (07.07), em seu gabinete, representantes da sociedade civil organizada, de entidades de classe, do Legislativo municipal, estadual e federal para apresentar as medidas implantadas na área da segurança pública da cidade pela prefeitura e também para ouvir sugestões de novas ações.

Após o encontro de mais de duas horas, quatro novas medidas foram anunciadas: realização da consulta pública sobre armamento da Guarda Municipal, a ser realizada na segunda quinzena de outubro em parceria com a Ordem dos Advogados do Brasil e o Conselho Comunitário de Segurança da cidade; ampliação do Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) para as escolas estaduais de Niterói onde há maior frequência de problemas relacionados à questão; aquisição de dez novas patrulhas para a Guarda Municipal para ampliação do programa Patrulha Escolar; e incremento do Programa de Saúde Mental de atendimento a dependentes de álcool e drogas.

“Essas sugestões vão se somar às seis medidas da área de segurança já implementadas pela prefeitura, como o convênio para utilização de tropas especiais da Polícia Militar, intensificação do Programa Estadual de Integração da Segurança (Proeis), o Niterói Mais Segura, inspirado no Centro Presente do Rio, entre outras iniciativas. Elas fazem parte de um processo de escuta da sociedade pela administração municipal”, informou o prefeito.

Presente à reunião, o presidente da Associação Conselho Empresarial e Cidadania de Niterói, Joaquim Andrade, afirmou que a reunião mostrou que a participação de todos os seguimentos da sociedade é fundamental na busca de soluções:

“Pudemos ouvir os planos implantados pela prefeitura e apresentar propostas para ajudar a situação que vivemos em todas as cidades e no país. Aqui a prefeitura está apresentando ações concretas para melhorar a situação, embora não seja atribuição dela a questão da segurança”.

Manoel Amâncio, presidente da Federação das Associações de Moradores de Niterói (Famnit), lembrou da preocupação com as áreas mais carentes.

“O tema mexe com toda a sociedade e os projetos que o prefeito apresentou vão nos dar mais sensação de segurança e sem esquecer dos projetos nas comunidades para cuidar dos nossos jovens com profissionalização e permanência nas escolas em horário integral”, diz.

O vereador Sandro Araújo lembrou que medidas a médio e longo prazo apresentadas na reunião também são importantes, além das ações já anunciadas.

“É uma iniciativa corajosa ao adotar essas medidas contundentes na área da segurança. São medidas necessárias do poder público e da sociedade para conter a escalada da violência. Também vi com bons olhos a elaboração de metas de médio e longo prazo”, enfatiza.

Já o vereador Renato Cariello, presidente da comissão de Segurança da Câmara de Niterói, lembrou que a atribuição constitucional da segurança cabe ao estado, mas reforçou que a prefeitura vem atuando de forma importante para auxiliar as polícias:

“Sabemos que segurança é atribuição do estado e vemos todo o esforço do prefeito em contratar policiais militares para atuar na cidade. O que aumenta a segurança e afasta o bandido das ruas é a presença da polícia”, afirma.

 

Prefeitura Municipal de Niterói
Rua Visconde de Sepetiba, 987 - Centro - Niterói - RJ