logo


Início
Niterói celebra o Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais PDF Imprimir E-mail

21/07/2017 – A Fundação Municipal de Saúde (FMS) realiza de segunda (24) à sexta (28), das 9 às 17h, a campanha de testagem rápida das hepatites B e C e vacinação contra hepatite B nas policlínicas, unidades básicas e módulos do Programa Médico de Família do município. A iniciativa integra as ações do Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais, celebrado 28 de julho em todo Brasil. Lembrando a importância da data, também serão realizadas atividades educativas em escolas e salões de beleza próximos das unidades de saúde, com distribuição de informativos sobre cada tipo de hepatite e orientações sobre a vacinação contra a hepatite B.

A secretária municipal de saúde de Niterói, Maria Célia Vasconcellos, explica que campanhas como essa são importantes para que as pessoas estejam conscientes dos riscos das doenças e das formas de prevenção e tratamento.

“As hepatites são doenças infecciosas que afetam o fígado, podendo evoluir para a hepatite crônica, que tem como principais complicações a cirrose hepática e o câncer de fígado. Com a campanha, informamos e alertamos a população que a prevenção é o melhor método de combatê-las. Por isso, é fundamental que datas como essa estejam inseridas em nosso calendário”, declara a secretária, reforçando que FMS oferece os testes rápidos e a vacina, no caso da hepatite B, gratuitamente, nas unidades da rede.

As hepatites B e C podem ser transmitidas por transfusão de sangue; compartilhamento de agulhas, seringas, canudos ou cachimbos; exposição percutânea, ou de mucosa, a sangue ou fluidos corpóreos; relações sexuais sem uso de preservativos; uso compartilhado de escova de dente, alicate de unha, barbeadores e lâminas; hemodiálise; transplante; e tratamento dentário.

O uso de preservativo em todas as relações sexuais para a prevenção das hepatites é fundamental. As diretrizes de prevenção também incluem o não compartilhamento de agulhas e outros objetos que furam, cortam, ou que entrem em contato com as mucosas e que estejam contaminadas.

No caso da hepatite B, a vacinação é a principal forma de prevenção e está disponível em todas as unidades de saúde para indivíduos com idade até 49 anos.


Grupos que devem se vacinar contra hepatite B – Devem ser vacinados nas unidades da rede pública de saúde independentemente da idade: gestantes, após o primeiro trimestre de gestação; trabalhadores da saúde; portadores de doenças sexualmente transmissíveis (DST); bombeiros, policiais civis, militares e rodoviários; carcereiros de delegacia e de penitenciárias; coletadores de lixo hospitalar e domiciliar; comunicantes sexuais de portadores de hepatite B; doadores de sangue; homens e mulheres que mantêm relações sexuais com pessoas do mesmo sexo; lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais; pessoas reclusas (presídios, hospitais psiquiátricos, instituições de menores, forças armadas, entre outras); manicures, pedicures e podólogos; populações de assentamentos e acampamentos; populações indígenas; potenciais receptores de múltiplas transfusões de sangue ou politransfundidos; profissionais do sexo/prostitutas; usuários de drogas injetáveis, inaláveis e pipadas; e caminhoneiros).


Outras atividades – Contemplando a data, será realizada uma missa de ação de graças em homenagem a Eliane Bordalo, médica e professora da Universidade Federal Fluminense (UFF), pioneira no atendimento especializado das hepatites em Niterói. O evento será realizado na Paróquia dos Sagrados Corações, na Vila Pereira Carneiro, Ponta da Areia, no dia 22/7, às 17h.

Haverá também a reinstalação da Frente Parlamentar Niterói no Auditório da Câmara Municipal de Niterói, dia 27/7, às 18h. Encerrando as atividades, a FMS vai promover uma conscientização da população no Campo de São Bento, dia no dia 29, de 9h às 15h.

 

Prefeitura Municipal de Niterói
Rua Visconde de Sepetiba, 987 - Centro - Niterói - RJ