logo

logo logo logo Colab

SEPLAG – UGP/CAF

Licitações Sexec

Licitações SEMUG


Início
Niterói recebe Manuel Castells, sociólogo espanhol, em debate sobre educação, cultura e tecnologia PDF Imprimir E-mail

15/07/2019 – Nesta segunda-feira (15), Niterói recebeu o sociólogo espanhol Manuel Castells, considerado um dos principais teóricos da comunicação da atualidade. Professor da Universidade de Berkeley, na Califórnia, nos EUA, veio a Niterói participar do Seminário Internacional “Educação, Cultura e Tecnologia: Escola do Século XXI”, no Caminho Niemeyer. O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, e o ex-ministro da Educação, Tarso Genro, também participaram da discussão, que teve a jornalista e apresentadora Luciana Barreto como mediadora.


Pela manhã, Castells visitou o Museu de Arte Contemporânea (MAC), na Boa Viagem, acompanhado do prefeito e de Tarso Genro.

Durante o seminário, Rodrigo Neves falou dos importantes investimentos do Município em educação e destacou ainda que Niterói é uma das cidades mais universitárias do país, com aproximadamente 50 mil estudantes universitários.

"A nossa prioridade foi universalizar o acesso à educação infantil obrigatória de 4 a 5 anos e ao ensino fundamental. Durante  os últimos cinco anos, Niterói  recebeu os maiores  investimentos destinados a educação que o município já teve. Foi a cidade que,  proporcionalmente,  mais investiu em educação. Foram 25 novas escolas implantadas  e estamos reabrindo Cieps, que estavam abandonados pelo Estado há décadas.

Para Neves, após universalizar o acesso a educação, o desafio cada vez maior é melhorar a qualidade da educação utilizando, inclusive, as ferramentas  mais avançadas  disponíveis e tecnológicas  de informação para formação dos profissionais de educação .

"É preciso ter o aluno na sala de aula. Não é possível imaginar a sala de aula do século 21 com os modelos do século 20. Essa é a reflexão que precisamos fazer com nossos dirigentes para melhorar a gestão escolar e a qualidade da educação. O desafio dos nossos próximos 18 meses de governo  é esse processo de transformação  da educação em Niterói .

Considerado um dos mais importantes pensadores da atualidade, Castells é sociólogo e teórico da comunicação. O espanhol se distingue de outros intelectuais pelo otimismo em relação ao fenômeno das redes sociais. Ele defende que Facebook, Twitter, Telegram e outras formas de organização por meios digitais estão transformando o mundo, e para melhor.

Para uma plateia de cerca de 500 pessoas, Castells enfatizou o impacto da comunicação em rede e das tecnologias digitais sobre a produção do conhecimento.

"Um país educado com internet progride. Um país sem educação utiliza a internet para fazer “estupidez". Isso a internet não pode resolver, isso só pode ser resolvido pelo sistema educacional", destacou.

O sociólogo falou também da sua proximidade com o Brasil.

"O tema dessa conferência se situa no contexto do Brasil, país que venho regularmente, e que tem um significado especial para mim não só na parte econômica, mas também cultural, social e moral. Estamos aqui para falar da escola do século 21. A educação é o elemento chave para o progresso profissional, é o caminho para a igualdade social, fundamental para a cidadania e a real democracia", frisou.

O Seminário, gratuito, foi promovido pela Secretaria Municipal de Cultura e pela Fundação de Arte de Niterói (FAN), em parceria com o Instituto Novos Paradigmas. O evento teve como objetivo levar a uma reflexão sobre o conjunto de questões contemporâneas que desafiam educadores, gestores, pesquisadores e diversos setores da cultura interessados em enfrentar desafios da sociedade da informação.

O evento começou com o painel “Produção autônoma de conteúdo e protagonismo dos grupos sociais na comunicação em rede”, com discussão de Alan Brum Pinheiro, Vitor Coff Del Rey e Daniela Araújo, com mediação do coordenador de comunicação digital da Prefeitura, Fernando Stern.

MAC - Acompanhado do prefeito Rodrigo Neves, Manuel Castells visitou pela manhã o Museu de Arte Contemporânea (MAC). Ele ficou muito impressionado com as formas do museu, projetado por Oscar Niemeyer. Castells percorreu a exposição dedicada a produção artística de Abdias Nascimento, pintor, poeta, dramaturgo e um dos maiores ativistas dos direitos da população negra do país.

 

Prefeitura Municipal de Niterói
Rua Visconde de Sepetiba, 987 - Centro - Niterói - RJ