logo

logo

Licitações FeSaúde

SEPLAG – UGP/CAF

Licitações SMEL

Licitações Sexec

Licitações SMEL


Início
Gilson Souza assume o comando da NitTrans com foco na modernização da empresa PDF Imprimir E-mail

11/01/2020 - O especialista em transporte e niteroiense Gilson Alves de Souza Júnior assumiu nesta segunda-feira (11) a presidência da Niterói Transporte e Trânsito (NitTrans). Com formação em Gestão Empresarial de Transportes de Passageiros pelo Programa de Engenharia de Transportes da COPPE/UFRJ e uma carreira de 34 anos trabalhando no setor, em cargos de direção nas áreas de planejamento, operação e logística, o novo presidente afirma que pretende trabalhar na modernização da infraestrutura da NitTrans. Ele aponta a tecnologia como imprescindível para a gestão da mobilidade urbana. Nos últimos oito anos, a cidade já registrou redução de 82,3% no número de acidentes de trânsito em Niterói.

“Os recursos tecnológicos são nossos aliados no trabalho por um trânsito não-violento. Quanto mais informações conseguirmos coletar, qualificar, tabular e mensurar, melhor planejaremos a operação do trânsito na nossa cidade. Os níveis de eficiência e eficácia das ações adotadas precisam ser mensurados constantemente”, atesta Gilson Souza.

Balanço - Niterói teve redução acentuada no número de acidentes nos últimos oito anos. Só em 2020, foram registrados 806 acidentes de trânsito em Niterói até o mês de novembro. Caso o mês de dezembro confirme a média mensal de 73 acidentes, o município terá registrado, pela primeira vez, menos de mil ocorrências de trânsito em um ano. Este número é cinco vezes menor do que os 4.971 acidentes registrados em 2013. Os dados são registrados pelo 12º Batalhão da Polícia Militar, em Niterói, e compilados pela NitTrans.

Para o diretor administrativo da NitTrans, Braz Colombo, a redução do número de acidentes de trânsito mostra que as ações desenvolvidas nos últimos anos foram positivas.

“Esta redução é mais um excelente resultado entre tantos que Niterói vem apresentando em suas políticas públicas municipais, e seguiremos em frente, por um trânsito cada vez melhor, com convivência pacífica e responsabilidade de todos”, garante Braz Colombo.

Trabalho durante a pandemia - No ano em que a pandemia forçou a quarentena, cancelou aulas presenciais e paralisou atividades econômicas, o volume e o fluxo de trânsito tiveram redução nas cidades. Mas o trabalho da NitTrans não parou: em 2020 foram realizadas 1.049 operações de trânsito, que somam 8.399 desde 2013.

Os agentes e operadores de trânsito seguem atuando nas ruas da cidade, protegidos por Equipamentos de Proteção Individual (EPI) e adotando as medidas sanitárias e de higiene necessárias. E se o trabalho de orientação do trânsito foi atenuado com a redução do tráfego de veículos e pedestres, por outro lado, a NitTrans vem mantendo seus demais serviços a pleno vapor: desde manutenção viária e semafórica, operação dos Centros de Controle Operacionais, atuação em apoio a obras e a serviços públicos essenciais.

O efetivo da NitTrans também atuou em apoio às ações de combate ao vírus realizadas pela Prefeitura, como nas barreiras sanitárias montadas nas entradas da cidade e nas praias; no ordenamento dos centros de testagem drive-thru; nos pontos de entrega dos cartões de auxílio emergencial municipal; na sanitização de vias públicas; na coleta de material sanitário para pesquisa; no entorno das unidades de saúde usadas como referência no tratamento da Covid-19; e na campanha anual de vacinação contra a gripe.

 


Prefeitura Municipal de Niterói
Rua Visconde de Sepetiba, 987 - Centro - Niterói - RJ