Observatório Municipal de Promoção da Igualdade Racial de Niterói fez uma apresentação na Câmara de Vereadores

O Observatório Municipal de Promoção da Igualdade Racial de Niterói (Ompir Niterói) foi apresentado na Câmara de Vereadores, na última semana, a convite do vereador Fabiano Gonçalves. O Ompir Niterói tem como objetivo contribuir para o acompanhamento, a avaliação e a execução das políticas de promoção de igualdade racial no município, por meio do levantamento, processamento e divulgação de dados e pesquisas sistematizadas.

Joana Raphael, idealizadora do projeto, explica que o Observatório possibilita uma abordagem interdisciplinar e a articulação entre a Prefeitura, a universidade e sociedade civil.

“O Observatório gera dados, faz pesquisas, propõe e avalia as políticas de igualdade racial no município. A ideia é lançar um edital, fazendo um chamamento público de pesquisadores interessados nesta área, além de realizar parcerias com universidades”, ressalta.

O Ompir está em sua fase inicial, aguardando a indicação dos componentes. Atualmente existe um grupo provisório trabalhando. A comissão provisória de trabalho tem se reunido para organizar as ações que serão implementadas até que a coordenação seja efetivada. “É o momento de sensibilização de possíveis parceiros para avanços em pesquisas”, explica Joana Raphael. Segundo ela, entre os principais desafios está a urgência de resultados que colaborem para as políticas públicas. “Pesquisas, por amostragem, revelam que a população negra é a mais afetada pela pandemia”, destaca.

O órgão será integrado por representantes da Secretaria Municipal de Direitos Humanos, representantes da Subsecretaria Municipal de Promoção da Igualdade Racial e representantes da sociedade civil, com relevante atuação na área de ensino e pesquisa sobre a população negra. O Observatório vai funcionar na Rua Professor Plínio Leite, 86 – Sede do Caminho Niemeyer, ao lado do Teatro Popular.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo