Prefeito Axel Grael recebe o embaixador de Cabo Verde, José Pedro Chantre D’Oliveira, em Niterói

O prefeito Axel Grael recebeu na tarde desta terça-feira (24) em Niterói o embaixador de Cabo Verde no Brasil, José Pedro Chantre D’Oliveira. Durante o encontro foram iniciadas as conversas para parcerias em atividades de valorização da cultura africana em Niterói. Uma equipe intersetorial da prefeitura será formada para avançar em um plano de intercâmbio cultural que será intermediado pelo embaixador com outros países do continente africano.

Para o prefeito Axel Grael, o encontro marcou o início da estruturação de uma proposta para a valorização da história de Niterói. Ele considera o embaixador cabo-verdiano, José Pedro Chantre D’Oliveira, aliado importante para a construção da parceria.

“Buscamos criar algo como um centro de referência para a cultura africana em Niterói, onde poderemos mostrar como se desenvolveu todo o processo histórico que levou a essa grande concentração de famílias de descendentes africanos na nossa cidade. E isso tem a ver com a nossa própria história. Para nós, é excelente ter o nosso embaixador José Pedro como um porta-voz dessa ideia para nos ajudar a estruturar essa ação aqui em Niterói. Temos o mesmo objetivo e acho que a gente vai conseguir um belo projeto aqui em Niterói”, disse o prefeito.

O diplomata José Pedro Chantre D’Oliveira agradeceu o convite do prefeito Axel Grael para participar da elaboração da proposta e se colocou à disposição para fazer a interlocução com os outros países do continente africano.

“A relação do Brasil e Cabo Verde são relações de dois países irmãos e que ainda não é muito conhecida. Durante a minha estada no Brasil eu gostaria de deixar um maior conhecimento sobre Cabo Verde aqui e levar-vos mais a Cabo Verde também. Este é um dos meus propósitos, é fazer Cabo Verde ficar mais conhecido e com a ajuda do prefeito de Niterói, com o literário, o social, todos os técnicos e as equipes, sobretudo da parte da cultura. Faço a representação brasileira entre os outros países da África, que são 54. Então, se eu puder fazer qualquer coisa com a vossa pretensão de eu ser o porta-voz para esse projeto, terei muito gosto em levar esse projeto e apresentar aos meus colegas africanos para que todos possamos colaborar”, afirmou o embaixador

Participaram da reunião do prefeito com o embaixador de Cabo Verde, José Pedro Chantre D’Oliveira, a secretária Municipal de Direitos Humanos e Cidadania de Niterói, Nadine Borges; a secretária do Escritório de Gestão de Projetos, Katherine Azevedo; o administrador do Núcleo Executivo Regional do Caramujo, Baldeador, Maria Paula e Santa Bárbara, Oto Bahia e Silva; e representantes do Instituto Maria Quitéria.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo