Escola Municipal João Brazil vence etapa estadual da Olimpíada Brasileira de Robótica

A Escola Municipal João Brazil, no Morro do Castro, conseguiu um feito inédito para a Educação Niterói: foi a primeira escola da Rede Municipal de Educação a conquistar a medalha de ouro na Etapa Estadual da Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR), recebendo ainda o título de melhor escola pública do Estado do Rio de Janeiro em Robótica. A competição ocorreu no último sábado (02) na Universidade Veiga de Almeida, campus Maracanã. Duas equipes garantiram o passaporte para a competição nacional, que acontecerá em outubro, em Salvador.

A Olimpíada aconteceu durante a manhã e tarde, com divisão de rodadas para os diferentes níveis: 0, 1 e 2. As primeiras equipes a entrar em ação foram as de Nível 0, que engloba crianças entre 6 e 9 anos. Logo de início, nesta categoria, a João Brazil conquistou a tão sonhada medalha de ouro. Mesmo com o resultado, a equipe não seguirá para Salvador porque a categoria compete somente até a Etapa Estadual.

No turno da tarde, os níveis 1 e 2 entraram em ação. A equipe JB United, que competiu no Nível 1, foi a vice-campeã e conquistou a medalha de prata. Além disso, a equipe também faturou o prêmio extra de Robustez, Inovação, Design Making e Dedicação. Já a JB Origens foi a campeã do Nível 2, conquistando o seu maior feito até o presente momento: a medalha de ouro.

O secretário de Educação e presidente da Fundação Municipal de Educação (FME), Bira Marques, fez questão de parabenizar os alunos.

“Fico muito feliz com o desempenho da escola na Etapa Estadual da OBR, e posso apostar que também teremos resultados incríveis na Etapa Nacional. A escola participou da Olimpíada no ano passado, aprimorou as estratégias, e teve uma vitória muito especial neste ano. Quando uma equipe vence, toda a comunidade escolar vence, é por isso que seguiremos incentivando o aprendizado na Robótica e que outras unidades da Rede também participem da competição”, destacou.

Além das três premiações e do prêmio extra relacionado à produção de robôs, a unidade escolar se destacou tanto na competição que conquistou o prêmio de melhor escola pública do Estado do Rio de Janeiro em Robótica.

Os professores responsáveis pelo treinamento das equipes, Carlos Henrique Jorge e Evelyn Crespo, estão extremamente orgulhosos dos feitos. Segundo Carlos Henrique – professor de matemática que levou o primeiro projeto de robótica para a escola em 2014 – a primeira vez que se inscreveram na OBR foi em 2017. De lá para cá, foram seis anos de desenvolvimento constante.

 “A sensação de ganhar a medalha de ouro é a melhor possível. Conseguimos isso por meio da aplicação de conceitos matemáticos e de programação para poder construir um robô que seja capaz de realizar os desafios propostos pela OBR. No nosso espaço de treinamento na escola, eles conseguiram aprimorar os robôs e ter um bom desempenho. Fico muito feliz. Isso é resultado de um trabalho de equipe”, pontuou.

Uma das vencedoras, Lavínia Stabile de 15 anos, é estudante do nono ano da João Brazil e conquistou a medalha de ouro ao lado da sua equipe: JB Origens.

 “Ganhar a primeira medalha de ouro em Robótica foi algo que nunca havia sentido antes. Eu senti um alívio muito grande. A gente se esforçava todos os dias. Tinha vezes que saímos daqui às sete horas da noite, treinando depois da aula”, contou.

Outro vencedor do Nível 2, o Bryan Pereira, de 15 anos, afirmou estar muito feliz com o desempenho da equipe e demonstrou empolgação para a próxima etapa.

“Estou muito feliz, porque a gente trabalhou muito, tem muito do nosso esforço nessa conquista. Mês que vem é a próxima competição e eu estou feliz em poder participar. Nunca viajei de avião! Vou viajar pela primeira vez graças à Robótica”, finalizou.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo