Prefeitura de Niterói assina convênio com a Co.liga para abrir oportunidades para a juventude

A Prefeitura de Niterói, por meio da Coordenadoria de Políticas Públicas para a Juventude (CPPJ), assinou, nesta quinta-feira (14), um convênio com a Co.liga, escola online que oferece cursos gratuitos de curta duração em diferentes áreas de atuação. A parceria vai beneficiar 300 jovens da cidade. A escola é uma iniciativa da Organização de Estados Ibero-americanos (OEI) para a Educação, a Ciência e a Cultura no Brasil em conjunto com a Fundação Roberto Marinho.

O prefeito de Niterói, Axel Grael, destacou que a parceria combina com outras ações voltadas para a juventude da cidade.

“É uma parceria com uma instituição renomada, que nos traz uma série de oportunidades de cursos de capacitação profissional nessa área da Economia Criativa. Essa iniciativa se combina muito bem com várias outras que temos em Niterói. Seja na área das Artes como o Aprendiz Musical, na área do esporte e na área mesmo da capacitação profissionalizante como o Ecosocial. Tem vários programas em andamento que combinam muito bem com o que a Co.liga e a Fundação Roberto Marinho têm a oferecer. É uma parceria que tem um potencial muito grande de ajudar os jovens de Niterói”, explicou Axel Grael.  

A Co.liga é uma escola online que oferece cursos gratuitos e outras oportunidades, conectando jovens, profissionais e empresas de diferentes áreas de atuação no setor de Economia Criativa. São oferecidos cursos de curta duração nos segmentos de música, artes visuais, design, multimídia, patrimônio, tecnologia e produção cultural, mentorias com profissionais, oportunidades de trabalho e programação cultural. O conteúdo pode ser acessado em coliga.digital.

De acordo com a coordenadora de Políticas Públicas para a Juventude, Luisa Assumpção, esse convênio vai agregar com as políticas que vem sendo desenvolvidas para os jovens na cidade.

“Temos falado constantemente do nosso papel como Coordenadoria de Juventude de gerar oportunidades e possibilidades para os jovens, sobretudo, na área da educação e de geração de renda. Os cursos da Co.liga são uma grande oportunidade. São mais de 50 cursos de Economia Criativa colaborando na formação e podendo gerar novos caminhos para eles com uma renda digna”, ressaltou Luisa Assumpção.

O convênio prevê a criação de vagas para beneficiar 300 jovens. Em Niterói, a Co.liga conta com cerca de mil alunos, entre inscritos, matriculados e certificados. A taxa de conclusão dos cursos está em 64% e o mais procurado é o “Empreendendo na Economia Criativa”. A escola virtual reúne mais de 61 mil alunos matriculados e já emitiu mais de 11 mil certificados. Ela está presente em 26 estados, no Distrito Federal e em 21 países como Espanha, Portugal, Cabo Verde, Angola, Moçambique, Rússia, Japão e Estados Unidos.

Parceria – A Fundação Roberto Marinho é uma das parceiras ligadas à Co.liga que, há mais de 40 anos, trabalha em soluções de educação, desenvolvendo projetos voltados para a escolaridade básica e para a solução de problemas educacionais que impactam nas avaliações nacionais, como distorção idade-série, evasão escolar e defasagem na aprendizagem.   

“A Co.liga é uma escola de abrangência nacional, em que as relações e parcerias são fundamentais para que ela exista e colabore na inclusão e permanência das juventudes brasileiras na Economia Criativa. Embora a escola já tenha chegado a Niterói com uma taxa de conclusão de cursos bastante elevada, apostamos que essa parceria vai potencializar ainda mais a participação da juventude niteroiense nos cursos e oportunidades que a escola oferece”, reforçou Fabiana Cecy, coordenadora da Co.liga na Fundação Roberto Marinho.

A Fundação realiza, de forma sistemática, pesquisas que revelam os cenários das juventudes brasileiras. A partir desses dados, políticas públicas podem ser criadas nos mais diversos setores, em especial, na educação. Incentivar a inclusão produtiva de jovens no mundo do trabalho também está entre as suas prioridades, assim como a valorização da diversidade e da equidade. Mais informações no Portal da Fundação Roberto Marinho.   

Desde 1949, a Organização de Estados Ibero-Americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura (OEI) é o primeiro organismo intergovernamental para a cooperação no espaço ibero-americano. Atualmente, o organismo possui 23 estados-membros, 19 escritórios nacionais, além da Secretaria-Geral em Madri.  

“Trazer a Co.liga para Niterói é uma grande satisfação. É a certeza de que estamos promovendo a inclusão produtiva de jovens no mercado cultural por meio da qualificação oferecida em nossos cursos. A Economia Criativa representa de 2 a 4% do PIB dos países que compõem a América Latina, além de Portugal e Espanha”, afirmou

Leonardo Barchini, diretor da OEI no Brasil.

Com mais de 400 projetos ativos com entidades públicas, universidades, organizações da sociedade civil, empresas e outros organismos internacionais, a OEI representa uma das maiores redes de cooperação da Ibero-América.

A assinatura do convênio entre a Prefeitura de Niterói e a Co.liga contou com a presença da Secretária de Governo, Rubia Secundino.

Foto: Luciana Carneiro 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo