Prefeitura de Niterói faz ação integrada para oferecer serviços socioassistenciais no Centro

A Prefeitura de Niterói realizou, nesta terça-feira (28), mais uma ação integrada para oferecer acolhimento e cadastro nos serviços socioassistenciais para pessoas que estão em situação de rua na cidade. A força-tarefa composta por equipes da Secretaria Municipal de Assistência Social e Economia Solidária (SMASES), Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (Seconser), Companhia de Limpeza de Niterói (Clin) e da Secretaria Municipal de Ordem Pública, através da Coordenadoria de Ações Táticas (CAT) da Guarda Municipal, atuou na Prainha, ao lado da Estação Arariboia. Nesta manhã, 11 pessoas foram encaminhadas ao Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop) para o processo de segunda via de documentos. Todos os abordados são oriundos de outros municípios.

Na ação, também foi realizada a limpeza e conservação do local. A abordagem social especializada acontece de forma contínua com os agentes da SMASES, compostas por assistentes sociais e técnicos. As equipes especializadas podem ser acionadas pelos números (21) 97197-9366 (diurno) ou (21) 97287-3643 (noturno).

A SMASES atua de forma ininterrupta. Os técnicos fazem o cadastro para os benefícios socioassistenciais, verificam a necessidade de segunda via de documentação e também encaminham as pessoas para os centros de acolhimento municipais. As equipes trabalham na sensibilização e convencimento da população em situação de vulnerabilidade social, já que a legislação brasileira não permite o acolhimento compulsório. É fundamental que a pessoa aceite ir para um dos equipamentos oferecidos pelo governo municipal.

A Prefeitura de Niterói possui uma rede de atendimento para população em situação de rua que conta com equipes de abordagem social especializada, Centro Pop e cinco unidades de acolhimento (abrigos).

O Centro Pop é a porta de entrada para o atendimento à população em estado de vulnerabilidade social. De lá, as pessoas são encaminhadas para as unidades de acolhimento, onde recebem atendimento de assistentes sociais, psicólogos e orientação jurídica, encaminhamento para serviços de saúde, trabalho e renda e documentação civil. O objetivo principal é construir com os acolhidos um trabalho que culmine na sua autonomia e reinserção social. A organização desses serviços garante privacidade, o respeito aos costumes, às tradições e à diversidade de ciclos de vida, arranjos familiares, raça/etnia, religião, gênero e orientação sexual.

Serviço de abordagem à população em situação de rua
Telefones: (21) 97197 – 9366 (diurno) ou (21) 97287-3643 (noturno)
O Centro Pop fica na Rua Coronel Gomes Machado, 259 – Centro.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo