Prefeitura de Niterói realiza vistoria em novo parque de preservação

Uma comitiva da Prefeitura de Niterói esteve, nesta segunda-feira (17), no Morro do Morcego para uma vistoria da área onde será implantado o novo parque natural da cidade. O espaço será aberto, em breve, para passeios guiados. O parque, localizado na Enseada de Jurujuba, fica às margens da Baía de Guanabara e conta com uma vista privilegiada para Niterói e para o Rio de Janeiro.

O prefeito de Niterói, Axel Grael, falou da importância do novo espaço público.

“Essa visita é parte do processo de planejamento do parque que tem um potencial turístico e ambiental enorme. É importante que a gente identifique os pontos de vista e conheça melhor a topografia da área. Essa vai ser uma importante área pública e a ideia é que a gente organize visitas guiadas e com número controlado de visitantes”, disse o prefeito.

Em visita, o secretário de Ações Estratégicas e Economia Criativa, André Diniz, ressaltou a vocação de Niterói na preservação de seus patrimônios.

“A cidade prioriza a preservação de seus patrimônios, sejam eles históricos ou naturais. Esse parque é um grande ganho para trazer turistas e para que as pessoas da própria cidade possam aproveitar essa beleza natural”, destacou.

Maria Carolina Campos é engenheira ambiental da Secretaria de Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Sustentabilidade (SMARHS) e acompanhou toda a visita às áreas do novo parque.

“A visita de hoje foi importante para definir a atuação de cada secretaria nas estratégias de implementação do parque, visando a abertura ao público em breve. A abertura dos acessos já foi iniciada, o que auxiliará no mapeamento das potencialidades da unidade de conservação”, contou Maria.

A visita foi acompanhada também por outros representantes da SMARHS, da Niterói Empresa de Lazer e Turismo S/A (Neltur) e da Administração Regional de Jurujuba.

Homenagem – O novo parque receberá o nome de Dora Hees de Negreiros, em homenagem a ambientalista niteroiense falecida em 2016, aos 82 anos. Engenheira química e ambientalista com longa trajetória em gestão ambiental exercida junto a órgãos governamentais do Rio de Janeiro, Dora criou a Fundação Estadual de Engenharia do Meio Ambiente (Feema) e foi do Instituto Baía de Guanabara (IBG).

Nesta segunda, Alexandre Hees de Negreiros, filho da homenageada, participou da visita ao parque.

“Eu só conheci o parque pela água quando brincava de velejar e sempre ficava admirado com a beleza do lugar. Essa pedra que se impõe na Baía de Guanabara, neste lado de Niterói, lembra uma versão menor do Pão de Açúcar. Essa homenagem é incrível, o prefeito Axel e minha mãe eram guerreiros em prol do meio ambiente e é muito emocionante ver que ela seja a homenageada para dar o nome a esse parque tão bonito, tão marcante. É um lugar muito simbólico para a gente. É super gratificante e eu vim me emocionar aqui hoje mais um pouco”, destacou Alexandre.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo