Obras de macrodrenagem em Charitas avançam

Uma das prioridades para a Prefeitura de Niterói para 2023, as obras de macrodrenagem em Charitas, começaram em abril e seguem avançando. A extensão da obra é de 389,5 metros, com prazo de conclusão para setembro e investimento de R$ 6,6 milhões. Com a instalação das galerias, o problema de escoamento das águas de chuva, problema há anos no bairro, será resolvido.

As obras estão sendo executadas na Avenida Prefeito Sylvio Picanço e na Rua Joaquim Peixoto, no trecho próximo à garagem subterrânea. Na última semana, as intervenções começaram pela areia da praia. Na Rua Joaquim Peixoto, a equipe iniciou o corte da pista para abrir mais uma frente de obra, que também receberá galerias de drenagem.

De acordo com o presidente da Empresa Municipal de Moradia, Urbanização e Saneamento (Emusa), Antônio Lourosa, a fase atual é de instalação de aduelas de concreto.

“A equipe trabalha neste momento com a instalação de aduelas de concreto de 1x1m na areia da Praia de Charitas, na altura da garagem subterrânea. A previsão é concluir este trecho até o fim desta semana”, explica Lourosa.

Serão utilizadas galerias de concreto armado de até 2,5m x 1,2m e tubos de PVC rígidos para uma drenagem eficiente. O objetivo é que as águas pluviais escoem para o canal próximo à Praça do Rádio Amador, resolvendo de forma definitiva o problema de escoamento das águas de chuva em Charitas.

Pacote de obras – As intervenções em Charitas fazem parte de uma série de investimentos que a Prefeitura vem fazendo em resiliência na cidade. Em 10 anos, foram investidos R$ 700 milhões em obras de encostas, drenagem e macrodrenagem. Além de Charitas, o Barreto, na Zona Norte, também receberá obras de macrodrenagem que deverão ser iniciadas ainda neste ano e terão 7 km de extensão.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo