Ação do Cisp possibilita prisão de envolvidos em roubos de cargas em Niterói

Graças a uma ação rápida e conjunta da equipe de monitoramento do Centro Integrado de Segurança Pública de Niterói (Cisp), dois acusados de envolvimento em roubo de cargas foram presos pela Polícia Militar. Com a ação desta terça-feira (26), já são mais de 400 veículos que, desde 2019, foram abordados graças ao emprego do cercamento eletrônico. O Cisp monitora a cidade durante 24 horas e conta com 522 dispositivos de segurança e 120 do Cercamento Eletrônico e é uma ferramenta disponibilizada pela Prefeitura de Niterói para auxiliar as forças de segurança no combate à criminalidade.


Na ação desta terça-feira, os agentes do Cisp foram informados de que um Fiat Uno branco, supostamente clonado e com envolvimento em episódios de roubos de carga de cigarros na cidade, havia transitado pelo cercamento eletrônico da Região Oceânica e que estaria “escoltado” por uma motocicleta Honda Twister azul, que também teve participação em outros crimes.


Imediatamente os guardas municipais do monitoramento do CISP fizeram o acompanhamento dos veículos em tempo real, através das câmeras espalhadas pela localidade, e acionaram a Polícia Militar para a abordagem. A equipe de monitoramento do Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp) colocou o número da placa no sistema, instalado pela Prefeitura de Niterói em pontos estratégicos, de acordo com a mancha criminal, com o objetivo de auxiliar as diversas forças de segurança no combate à criminalidade.


Os policiais conseguiram localizar e abordar a Fiat Uno na altura do bairro Jacaré e a motocicleta foi abordada no bairro Largo da Batalha. Dois indivíduos foram presos. Foram apreendidos os veículos, celulares e um aparelho que corta o sinal do rastreamento de cargas, mais conhecido como “chupa-cabra”. Os indivíduos confessaram que iriam tentar roubar mais uma carga de cigarros e disseram ter participado de outros episódios de roubo.


O Sistema de Cercamento Eletrônico atua em tempo real, com tecnologia de ponta e é capaz de monitorar até mesmo fragmentos de placas ou palavras. Quando são inseridos no Sistema, os Guardas Municipais do Cisp conseguem acompanhar a partir daí, as ruas ou vias por onde o veículo passa, direcionando as equipes de segurança para abordagens em questão de minutos ou para montagem de estratégias que possam recuperar produtos roubados ou prender criminosos.

Foto: Divulgação

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo