Niterói perde Sílvia Tani e decreta luto de três dias

O prefeito Axel Grael expressa profundo pesar pelo falecimento da jornalista Maria Sílvia Tani, conhecida como Sílvia Tani e vai decretar luto de três dias na cidade. Natural de Bom Jesus do Itabapoana, Sílvia Tani era diretora do Jornal Santa Rosa, do qual foi fundadora, em 1978, junto com o marido Tácito Tani, já falecido, e o jornalista Oriovaldo Rangel.

O prefeito destacou que Sílvia Tani era muito admirada na cidade e tinha como marca a maneira carinhosa e solidária que tinha com todos.

“Foi com grande tristeza que recebi a notícia do falecimento de Sílvia Tani, uma jornalista querida, respeitada e admirada por todos. Sílvia era uma comunicadora habilidosa e deixou sua marca na cidade, tendo sido a fundadora do Jornal Santa Rosa. Meus sentimentos aos familiares e amigos da querida Sílvia Tani”, afirmou Axel Grael.

Sílvia Tani se aposentou como professora em Niterói antes de fundar o Jornal Santa Rosa. O velório da jornalista será nesta quarta-feira (10), a partir das 10h30, no cemitério Parque da Colina, em Pendotiba. O sepultamento acontece às 12h45.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo