Prefeitura de Niterói avança com obras de macrodrenagem no Barreto e Engenhoca

O prefeito de Niterói, Axel Grael, e o vice-prefeito Paulo Bagueira vistoriaram, nesta quinta-feira (16), as obras de macrodrenagem dos bairros do Barreto e Engenhoca, na Zona Norte da cidade, que estão sendo realizadas com o objetivo de sanar os problemas de alagamentos na região. Serão 4,6 quilômetros de extensão da maior intervenção em infraestrutura já realizada naquela área da cidade.  

O investimento é de aproximadamente R$ 76 milhões, com prazo de execução de 24 meses a partir da ordem de início, ocorrida no fim de janeiro deste ano. Todos os trechos impactados receberão obras de urbanização, com reconstrução de meios-fios, calçadas e nova pavimentação.


“A obra de drenagem do Barreto, entre as ruas Craveiro Lopes e General Castrioto, chega para resolver um problema de infraestrutura e resolver, como estamos fazendo em todas as partes do município, problemas crônicos de alagamento. É uma obra de grande porte e estamos fazendo esse serviço com a utilização das melhores técnicas de engenharia. Não é um problema fácil de resolver, mas já fizemos isso em outras áreas da cidade com sucesso. Faremos o mesmo nessa região”, afirmou o prefeito Axel Grael.

Das três etapas previstas, a primeira já teve a instalação da rede de drenagem concluída no trecho da Rua Vereador José Vicente Sobrinho, que vai da Travessa José Carreteiro até a Travessa Francisco Esteves, na Engenhoca. A região agora passará a receber obras de urbanização, com a reconstrução de meios-fios e calçadas, além de pavimentação.

“Sou nascido e criado nessa região e posso garantir que é a maior obra já realizada aqui na Zona Norte. Lembro muito bem que, desde quando eu era jovem, a população já sofria com os alagamentos e agora esses problemas estão prestes a acabar”, explica o vice-prefeito Paulo Bagueira.

Neste momento, as equipes avançam e trabalham na segunda etapa da construção da rede de drenagem, no terreno onde fica a Cidade da Ordem Pública, na Rua Craveiro Lopes, no Barreto, onde estão sendo instaladas aduelas subterrâneas que chegam a medir 2,5 metros de altura por 5 metros de comprimento. Nessa fase, a rede vai se estender pela Travessa Madame Pacheco até a Avenida General Castrioto.

Foto : Lucas Benevides 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo